milite

O TERÇO DOS HOMENS

OS HOMENS OFERECEM UMA COROA DO FLORES PARA MARIA

 

“O rosário é um itinerário de fé e oração,

onde nos colocamos sob o manto de Maria

e somos abraçados por seu amor.”

(A.S.Bogaz. Nos passos de Maria. 2003).

A belíssima história do terço remonta séculos e na realidade não temos muito que questionar, pois todas as histórias acabam levando para uma só, o terço existe, sendo considerado como uma das maiores orações dos mistérios de Cristo e da devoção mariana. São Luís Maria Grignion de Montfort (1673–1716), grande devoto de Maria, escreveu: “A Santíssima Virgem revelou ao Bem-aventurado Alain de La Roche que, depois do Santo Sacrifício da Missa, que é o primeiro e mais vivo memorial da Paixão de Jesus Cristo, não havia devoção mais excelente e meritória que o Rosário, que é como que um segundo memorial e representação da vida e da Paixão de Jesus Cristo”.

 

UM POUCO DESTA CORRENTE DE ROSAS

A origem do terço é bastante antiga. Lembramos que os monges cristãos eremitas, também chamados de anacoretas orientais, usavam um tipo de pedrinhas para poder contar as orações que faziam. Reza a tradição que um dia Nossa Senhora apareceu para São Domingos (1328), que após ter feito jejuns chegou a ficar em coma. Quando retornou de seu estado de coma, ele contou que Nossa Senhora apareceu para ele dizendo que para a salvação do mundo, nossa Mãe recomendava a reza do Rosário. É interessante que exatamente há cem anos, os pastorzinhos em Portugal receberam o pedido de Nossa Senhora do Rosário de Fátima dizendo: “Meus filhos, rezem o terço todos os dias”.

Sabemos que a devoção do Rosário significa coroas de rosas oferecidas para Nossa Senhora. É sem dúvida alguma uma oração de salvação poderosa e eficaz que nos foi oferecido pela Divina Providência. Muitas vezes plantamos uma sementinha e não temos o retorno da plantinha que sonhávamos. Outras vezes desabrocha rapidamente. Mas o mais interessante é quando não esperávamos que a semente, mesmo demorando para dar frutos, ela começa a nos encantar deixando-nos felizes porque nosso sonho se transformou em realidade.

ori apa 5

O homem brasileiro foi criado com o velho preconceito de que “homem não chora”, e mantendo toda a seriedade, o homem brasileiro foi criado também para orar quieto, enquanto as mulheres sempre participaram muito mais efusivamente na Igreja de Jesus Cristo desde suas primeiras evangelizações. Mas o mundo muda e o homem passou a se humanizar mais, ajudar a tomar conta dos filhos e participar mais da vida social e familiar. Com isso, o homem também se tornou mais emocional, o que lhe permitiu expor mais seus sentimentos e religiosidade. Podemos dizer isso referente ao terço dos homens.

 

FOI ASSIM QUE TUDO COMEÇOU…

nsra slo 8

O Terço ou o Rosário dos Homens teve uma história como a da sementinha. Este milagre da fé brotou no dia 08 de setembro de 1936, na Vila Providência, hoje chamada de Itabi, em Sergipe.

Conta-se que o Frei Peregrino foi fazer uma visita a um povoado a pedido do Padre Ervêncio, que pertencia a Diocese de Aracajú. Deveria fazer naquele lugar uma missão de evangelização. Naquele dia, congregou 220 homens, aproximadamente, para rezar o Terço.

Naquele grupo havia um jovem apelidado Tutu (Antônio Menezes de Souza). Cheio de devoção, participou com devoção e se tornou um dos fundadores deste movimento mariano. Tutu na época tinha apenas 16 anos; mas era um jovem exemplar e muito devoto de Maria. O grupo continua atuante e segue rezando, com mais de 100 pessoas, todas as semanas.

Aos poucos, o Terço se ramificou em todo o Estado. São mais de 230 grupos e cultuam a imagem da Padroeira, que é Nossa Senhora do Perpétuo Socorro. De fato, esta é uma grande devoção naquela região, desde os tempos do Pe. Cícero.

Em 1997, em Maceió (Alagoas), Dona Oneida Araújo, observou um grupo de homens que também rezavam o Terço, seguindo os caminhos das cidades de Sergipe. A ideia foi levada para Jaboatão dos Guararapes, no Santuário da Mãe Rainha de Olinda.

Partindo daquela iniciativa, Padre Miguel Lecastre foi divulgando em várias regiões de Recife e arredores. Posteriormente este padre devoto de Nossa Senhora levou o Terço para Fortaleza. Para unificar o Movimento, os seus líderes fez também um Manual e Roteiro do Terço dos Homens.  Assim, a prática devocional foi unificada em todos os lugares do Brasil, onde se reza o Terço dos Homens, com os homens, para toda família.

Hoje, está em todos os cantos católicos, inclusive em outros países. Isso significa que atravessou fronteiras, pois a devoção do povo católico em Nossa Senhora é muito grande. Toda devoção leva diretamente a Jesus Cristo.

 

SAM_6660

ESPIRITUALIDADE DO TERÇO DOS HOMENS

43

Hoje, está em todos os cantos católicos, inclusive em vários países, o que significa que atravessou fronteiras, pois a fé do povo católico em Nossa Senhora é muito grande, onde a devoção leva diretamente a Jesus Cristo.

Maria, nossa Mãezinha, não se esquece de nos mostrar a necessidade de orar para Deus. Aprendeu desde pequenina quando a levaram ao Templo para ser servidora de Deus Pai. Conhecemos bem sua história e desde então, ela nos mostra através de sinais sua presença, como Fátima, Lourdes e Aparecida, que completa trezentos anos do aparecimento de sua imagem no Rio Paraíba, tantos títulos, uma única santa: Maria, Mãe de Deus.

Sempre solicita orações e desta vez, seu presente aos homens foi tão singelo, que ela foi a lugares tão longe para introduzir o terço aos homens, para rezar pela família, pelos filhos e esposas, emprego, situação política em que vivemos, entre tantas orações. Mas o grande ápice foi deixar o coração dos homens mais cheio de Jesus Cristo, pois orando para Maria chegamos aos pés do Salvador mais humildes e mais fiéis.  

Com o início no menor estado do Brasil em território, Sergipe, tornou-se grande como o Amazonas a devoção do terço dos homens. Raramente vamos encontrar algum lugar que ainda não tem o terço dos homens agendados num dia da semana, ou mesmo, antes das missas. Faz parte de o católico inserir-se para agradecer nossa Mãezinha do Céu por tudo àquilo que temos para deixar nossos corações cheios de paz e amor.

 

O TERÇO DOS HOMENS E A IGREJA

Os padres tem incentivado bastante esta devoção à Maria, mas sempre lembrando aos homens que o centro da nossa religião é Jesus Cristo, que Maria é nossa interceptora junto a Deus Pai, Deus Filho e Deus Espírito Santo. Com Deus Pai e Deus Filho alcançamos nossas graças e com o Espírito Santo aprendemos a ver com sabedoria; com o terço encontramos tudo isso e nossa possibilidade de chegar a um caminho mais íntimo com nossa religião. Antes do terço os homens sentiam vergonha de demonstrar seu amor e sua necessidade de encontrar Nossa Senhora e consagrá-la em seus corações.

Com o terço podemos, inclusive, escolher aquele que nos faz mais próximos de Maria, sendo os Mistérios Gozosos, Luminosos, Gloriosos e Dolorosos, que podem ser rezados com o dia indicado ou não, dependendo do grupo, que pode alternar a contemplação dos mistérios e de certa forma enriquecer estes momentos maravilhosos de oração.

Podemos utilizar os cantos para embelezar ainda mais o terço dos homens, pois podemos ter um coral com suas vozes, ora rezando, ora cantando.

9c

A participação faz com que todos se sintam bem e cantem alegremente para Maria ou rezem desprovidos de qualquer pudor, pois todos estão fazendo o mesmo, é como uma onda que arrasta pelo bem todas as vozes que elevam Maria ao Céu. Certamente, Deus deve ficar muito feliz em ver Maria tão enlevada por seus filhos, agradecidos pelas famílias que têm e todos juntos rezando o terço. Quando acreditamos na força que as orações têm, certamente estamos nos aproximando mais da Virgem Maria. Encontramos nossa fé nestas orações, ficamos mais próximos dos ritos, das procissões, das celebrações e das pastorais. Ao entrarmos num dia de Terço dos Homens em uma igreja, sabemos que ali se encontram todos para engrandecer a Mãe de Cristo, utilizando música e até um manto azul enorme, para passar por todos os que ali vieram agradecer Maria.

 

REZAI, HOMENS, REZAI POR SUAS FAMÍLIAS

9
9a

O aspecto de um homem orar para Maria num terço, tem muito a ver com a mãe de cada um, pois sempre foi uma tradição das mães ensinarem seus filhos, mas o “machismo” impedia que o homem se entregasse tão maravilhosamente a este tipo de oração.

Hoje, chegamos a não entender como demorou tanto tempo para os homens aderirem ao terço, mas o mundo nos surpreende, quando pensamos que numa era de tecnologia e informática, com a mídia por todos os lados mostrando divertimentos, músicas de todos os tipos, filmes, esportes, muitos homens largam tudo isso, simplesmente, para rezar o terço.

Vemos que como uma estrada iluminada de estrelas e um silêncio estranho no ar, pode-se ter certeza que os anjos estão preparando alguma novidade. Nos terços dos homens eles apareceram e deram sua mensagem, homens de todos os tipos rezam e são mais felizes do que diante de um jogo de futebol. O mundo tem ciclos diversos, este é um que certamente nunca acabará, pois já se nota que os pais estão levando os filhos jovens e adolescentes juntos para aprenderem, gostarem e se encantarem com o terço dos homens.

De certa maneira os pais estão fazendo como São José, pai carinhoso de Jesus, esposo de Maria, que sabia como cuidar de sua família. José se tornou um exemplo de pai amoroso e cheio de ternura para com Jesus. Os pais de hoje se identificam com ele para cuidar da família e proteger seus filhos, pois para isso é necessário serem justos e fortes na fé.

O Santo João Paulo II deixou de herança para nós uma série de ensinamentos, sendo uma delas o Terço em Família, dizendo que a família que reza unida o Rosário, reproduz o clima da casa de Nazaré: põe-se Jesus no centro, partilha-se com ele alegrias e sofrimentos, colocam-se em suas mãos necessidades e projetos, e Dele se recebe a esperança e a força para o caminho. (Carta Apostólica Rosarium Virginis Marie, 41).

Os homens rezando o terço serviu para resgatar à Igreja. Eles andavam distantes, mas Maria os trouxe de volta e em suas mãos depositou o terço para que eles também participem desta oração tão nobre engrandecendo sempre o Nosso Senhor.

 

ORIENTAÇÕES DO MOVIMENTO TERÇO DOS HOMENS

O Movimento Terço dos Homens é um dom do Espírito Santo para toda a Igreja. É um presente de Nossa Senhora para seus filhos que desejam seguir Jesus Cristo. E quem participa dele, torna-se dom e bênção para o mundo. São vários os quesitos espirituais para o Terço surgir, crescer e perseverar:

1 – Comunhão: O Grupo Terço dos Homens deve caminhar integrado na comunidade eclesial. Por isso, é importante que tenha o apoio do pároco ou do responsável pela comunidade. A reza do terço é uma porta aberta para a evangelização. Os fiéis devem participar ativamente da comunidade, da Eucaristia dominical e de outros momentos da Igreja.

2 – Organização: Organize o grupo e distribua as funções fazendo com que todos trabalhem com o mesmo objetivo: rezar a Deus nas contas dos mistérios, inspirados por Maria, Mãe de Jesus. É preciso que todos saibam com antecedência o dia, a hora e o local do terço.

3 – Coordenação: O grupo deve ter um coordenador, um secretário e ser for o caso, um tesoureiro. A coordenação deve favorecer a participação de todos e garantir a fraternidade no grupo. Não são donos do grupo, mas são pessoas de espiritualidade humilde e profunda que coordena os caminhos do grupo.

4 – Distribuição: É importante distribuir as funções para uma maior e melhor participação dos presentes. Deve haver os encarregados para: “animar” os cânticos, contemplar os mistérios, rezar as Ave-Marias… Todos são convidados a participar, sobretudo nas dinâmicas, como o “manto azul”. Durante o terço, se achar conveniente, o grupo pode ler o Evangelho do dia e fazer breve reflexão do texto bíblico.

5 – Ambiente: Crie um ambiente propício para o momento de oração como, por exemplo, um pequeno altar com uma imagem de Nossa Senhora, velas, flores, etc. Toda dinâmica é importante, mas devem ser simples, envolventes e contemplativas, não espetáculos e representações teatrais.

6 – Piedade: Piedade e confiança em Deus são elementos essenciais para o crescimento na fé e no amor. Esse momento de encontro para a oração é bonito e muito importante. Quem reza tem intimidade com o Senhor, com a família e com toda a Igreja.

7 – Tempo: O tempo deve ser previsto e jamais ser alongado. Dentro de 40 minutos é possível realizar todo o trabalho do grupo. A boa administração dos momentos, do espaço e do tempo serve para que o Rosário produza efeitos e as pessoas queiram voltar e seguir na prece para sempre.

Devem ser os homens a coordenares e assumirem os grupos. As mulheres e as famílias são convidadas uma vez por mês, para não ocorrer que os homens se intimidem ou se omitam de organizar e rezar o Terço. Não se trata de exclusão, mas a grande conquista do Terço dos Homens é fazer com que os homens mesmo sejam protagonistas, uma vez que ao longo de décadas, por questões culturais e estruturais, foram as mulheres que praticaram esta piedade. Assim, hoje os homens assumem com amor, desfrutando também da serenidade, da mística e da elevação espiritual que esta prática centenária, o terço nos proporciona. O Terço é um dos caminhos mais elevados para tocar o coração de Deus, nos passos de Maria.

 

 

Prof. João H. Hansen – Pe. Antônio S. Bogaz – Pe. Rodinei C. Thomazella
Autores de Maria, Mãe de Deus, beleza infinita e Nos passos de Maria (Paulinas)
VIMOS A TI, MARIA APARECIDA

 

Vimos a Ti, Maria, Mãe Imaculada Aparecida.
Para que desapareça de nossos dias a agonia
Reapareça em nossas estradas tua alegria.
 
Vimos a Ti, Maria, Mãe Negra Aparecida
Para que desapareça de nossa gente a discriminação
Reapareça em nossa famílias tua filiação
 
Vimos a Ti, Maria, Mãe Libertadora Aparecida
Para que desapareça de nossa pátria a escravidão
Reapareça em nossos povos tua irmanação.
 
Vimos a Ti, Maria, Mãe Terna Aparecida
Para que desapareçam das ruas as agruras
Reapareça em nossas crianças tua ternura
 
Vimos a Ti, Maria, Mãe Sincera Aparecida
Para que desapareça dos poderosos a desonestidade
Reapareça em nossa sociedade a verdade
 
Vimos a Ti, Maria, Mãe Caminhante Aparecida
Para que desapareça dos corações as guerras
Reapareça para nossos indigentes a terra.
 
Vimos a Ti, Maria, Mãe Peregrina Aparecida
Para que desapareça dos espíritos a vaidade
Reapareça em nossos lares a fraternidade.
 
ESTAÇAO_72

FOLIA DE REIS 3

ss10

TEU NOME, MARIA

 Teu nome é como uma coroa de flores
Revela as tuas virtudes e todos os teus valores
 
Teu nome, Maria, é como um jardim de fantasias
Revela as tuas graças e todas as tuas alegrias
 
Teu nome, Maria , é como um rosário de cores
Revela as tuas conquistas e todas as tuas dores
 
Teu nome, Maria, é como um poema de memórias
Revela as tuas agonias e todas as tuas vitórias
 
Teu nome, Maria, é como um tratado de doutrina
Revela tua grandeza e teu jeito de menina
 
Teu nome, Maria, é como um espinho na cruz
Revela tua fidelidade e teu amor por Jesus
 
Teu nome, Maria, é como um grito de salvação
Revela tua postura e toda tua oração
 
Teu nome, Maria, é como um sonho de felicidade
Revela teus poderes e toda tua bondade
 
Teu nome, Maria, é como uma ladainha
Revela tua humildade, ensina que és rainha.
***


Ilustração: Momentos de evangelização da Paróquia Nossa Senhora da Saúde 
*****

Leia também…